terça-feira, 12 de maio de 2015

Este homem pode ser um criminoso condenado, mas ele parece um demônio












"Um viciado em heroína internado com tatuagens que cobrem grande parte de seu rosto e cabeça foi acusado sexta-feira com três acusações de tentativa de homicídio por supostamente atirando contra policiais em um quarto de hotel Alaska, o Anchorage Daily News."
Os apresentadores do programa debatem se este homem é culpado e o impacto que suas tatuagens terá no seu julgamento. diga o que você pensa na seção de comentários abaixo.

Um comentário:

  1. Alguém por acaso já viu um demônio para fazer essa comparação?

    ResponderExcluir